O mundo de JPFOX. Tecnologia do Blogger.

sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

2010 nem começou e já acabou

Lembro-me como se fosse ontem da passagem de 2009 para 2010. Muitas festas, curtição, ressaca, vômitos e tudo que de mais deprimente possa ocorrer num primeiro de janeiro.

Chegando ao fim do ano me ative a algumas novidades ocorridas até então inconcebíveis na nossa mente:
  • Agora somos governados por uma mulher;
  • O deputado mais votado do Brasil foi um palhaço;
  • O Estado adentrou aos morros cariocas;
  • Houve uma Copa do Mundo na África;
  • Pela primeira vez na história do Mundiais de Clubes, um time sulamericano ficou de fora da final;
  • Um argentino foi o melhor jogador do ano no Brasil;
  • As bandas coloridas são a febre do momento no mundo musical;
  • Rick Martin finalmente anunciou o que todo mundo já sabia;
  • As potências mundiais sofreram com a crise, sendo que os emergentes como o Brasil navegaram com tranquilidade;
  • O Brasil entregou um jogo de volêi;
  • Nossos políticos tiveram o descaramento de quase dobrar os próprios salários enquanto cortavam do orçamento recursos para educação e saúde;
  • Fidel finalmente largou o osso;
  • Tropa de Elite 2 conseguiu ser melhor que o Tropa 1;
  • Os títulos da Taça Brasil e Robertão foram finalmente reconhecidos;
  • O Enem novamente deu merda;
  • E por aí vai.
Ocorreram milhares de outras coisas impensáveis que agora fazem parte da nossa realidade e da história.

Foi um ano corrido e tenho certeza que 2011 também o será.
FELIZ 2011!!!!!!!!!!!!!!!

Continue lendo >>

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Notou que todo ano é a mesma coisa?

Notou que todo ano é a mesma coisa?

Os anos passam e sempre fazemos, vemos e ouvimos as mesmas coisas. Estamos vivendo a época do futebol parado, os programas sem pautas interessantes, as Tvs pagas repetindo atrações apresentadas em março ou abril deste ano e blá, blá, blá, blá, blá...

Passsado o natal, as pessoas voltam às lojas para trocar os presentes que foram errados. Mas que porra é essa? Não houve uma pesquisa para saber que o tio João calça 39 e não 41? Que a Julinha queria um celular de dois chips e não um que somente faz e recebe ligações? Coisas simplórias nos celulares de hoje. Não perceberam que o Paulinho agora já é um homem e que os autoramas já saíram de moda?

Os economistas vão à TV e pedem para que você tome cuidado com as contas de começo de ano. Não façam dívidas. Vem aí o material escolar, o IPTU, IPVA e aquelas porcarias todas. Daqui a pouco a Globo começa a transmitir 24 Horas, Lost e o famigerado BBB. Sem contar nas musiquinhas das Escolas de Samba do Rio e São Paulo. Sempre a mesma coisa.

Parece que não estamos criando nada, tudo é somente repassado como uma antiga fita de vídeo guardada naquele armário empoeirado. Vamos fazendo, vendo e falando o que em outrora foi repetido, repetido e repetido.

Notou que todo ano é a mesma coisa?

Continue lendo >>

quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

Dezembro: um mês de correria, festas e promessas


Parece que foi ontem que estava com a galera no terraço do João Embrema comemorando a chegada de mais um ano. Lembro-me muito bem daquele dia. Chovia muito e alguns dos caras (inclusive eu), já estavam bêbados quando da vinda de 2010. Rapidamente já se passaram 11 meses e está quase chegando tudo de novo, a história vai ser contada novamente, com o mesmo enredo. Dezembro parece ser igual em todos os anos. Ele se resume em três partes distintas cada qual com sua importância:


  • Correria: Seja você estudante ou trabalhador ou as duas coisas. Na escola o mês de dezembro é a época de correr atrás de pontinhos preciosos para passar direto. Para quem não consegue, a recuperação é a saída. Não custa nada tirar o escorpião do bolso e pagar aquele seu amigo CDF para fazer seu trabalho de matemática e ainda lhe dar "umas moral" no que tange à matéria. No trabalho, o mês é quente!!! Fechamento do ano, metas a serem batidas, aquele chatíssimo "amigo oculto" que a galera insiste em fazer todo ano, que você invariavelmente tira o nome de uma pessoa que odeia ou do seu chefe, pode acontecer de ser a mesma pessoa.
  • Festas: Haja dinheiro e fígado para aguentar. Estive dando uma olhada no calendário e pude notar que as festas de fim de ano cairão certinho nos fins de semana. Resultado: possivelmente vão durar 3 dias. Não dará nem tempo de ter ressaca. Todo mundo vai ficar curtido e tri-legal, como dizem os amigos gaúchos. Sem falar nos joguinhos entre amigos: solteiros X casados e no meu caso aqui em Raposos/MG, sempre rola o nosso muito disputado e tradicional Cruzeiro X Atlético. Haja coração!!!!!!!!!
  • Promessas: Você pode escapar neste fim de ano da correria e das festas, mas possivelmente não passará ileso às promessas de fim de ano. Seja parar de beber, fumar, de comer chocolate, arrumar outro emprego, trocar de namorada (o), sair de casa, viajar pelo mundo, emagrecer, engordar, malhar, etc. Pode ser qualquer coisas que você imaginar. Nem que seja insconscientemente, você vai desejar começar o mês de janeiro e necessariamente o ano de 2011 de uma outra forma. Prometer é certo, cumprir talvez...
Dezembro está apenas começando. Curta o mês, corra, festeje e prometa o que quiser. Se não der esse ano, dezembro de 2011 não vai demorar a chegar. Este não demorou, porque o outro demoraria?

Continue lendo >>

sábado, 27 de novembro de 2010

Rio de Janeiro à Dezembro

Este é o título de uma música da banda gospel carioca chamada Catedral. A canção foi composta há muito tempo atrás, mas soa como atualidade. Prova que uma música pode ditar muito mais do que palavras e ações vazias.

Nestes tempos de guerra (isso mesmo, é guerra mesmo), o que mais me preocupa e deprime é a situação dos nativos das localidades atingidas. Gente de bem, que não tem nada a ver com o caos que se assolou e que infelizmente está na linha de tiro. E agora vem a pior parte: os dois lados em nenhum momento pensaram nestes pobres coitados e não farão nenhum esforço para poupar suas vidas. Não sei como vai acabar tudo isso, mas vidas inocentes serão perdidas pelo caminho e lastimavelmente serão debitadas na conta do sucesso ou insucesso das ações.

Se não conhece a música, assista ao vídeo e veja como ela já fazia um prenúncio de tudo que estamos acompanhando.


Continue lendo >>

quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Os especialistas em futebol

Todos os dias o futebol dá uma lição em quem pensa que o entende. Tais pessoas ainda não aprenderam que o futebol é imprevísel e o imponderável pode acontecer em qualquer partida. Futebol não é como vôlei, basquete ou tênis que dificilmente apresentam surpresas no resultado final. O futebol é apaixonante e inigualável por isso.

Os especialistas do futebol sempre elegem os favoritos aos campeonatos, às partidas, a tudo. Sempre há alguém que invarialmente vai ter o apreço dos críticos entendedores de bola. Aquele que tem melhor elenco, mais títulos, o técnico mais caro, etc. No futebol nada disso funciona. Um time semi-amador que correr muito e se doar ao máximo pode encarar qualquer adversário. Esta é a alma do futebol, é o que nos cativa e nos faz largar tudo por ele.

A maior raiva dos especialistas em futebol é que este esporte não pode ser controlado. Não há como prever ou sempre acertar. Numa terra em que todos querem saber de tudo, o futebol é a exceção à regra, ele não se rende a nada nem ninguém. Nem mesmo aos especialistas no assunto.

Viva o futebol!!!!!!!!!!

Continue lendo >>

quinta-feira, 18 de novembro de 2010

Nunca trabalhe como atendente de telemarketing

Nunca trabalhe como atendente de telemarketing. Eu sei como é. Já estive do lado de lá e hoje sofro do lado de cá. Lá eu sei o que fazem. Trabalham em situação de quase escravidão. São miseros 15 minutos para lanchar e 5 para ir ao banheiro. Sofrem xingamentos aos montes de clientes insatisfeitos e ainda pior: sem serem culpados. Desligam clientes por querer, deixando na musiquinha idiota e ficam rindo, mas tudo faz parte do show. Do lado de cá sou esquecido por 30 minutos na linha, não tenho resolvido o meu problema e fica tudo por isso mesmo. Você, jovem querendo o primeiro emprego ou até mesmo aquele que quer entrar nesse nicho de mercado, pelo amor de Deus, esqueça essa profissão. É pelo seu bem. Nunca trabalhe como atendente de telemarketing.

Continue lendo >>

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Por que é tão ruim fazer a barba?

Os primeiros pêlos não incomodam, vão chegando outros e mais outros e mais outros e pronto. O rosto está cheio. O que fazer para acabar com aquela maldita coçeira e de quebra ficar mais bonito? Fazer a barba. Eis que começa o inferno da vida dos homens. Você se fere, "pinica a cara toda", começa de um lado e esquece do outro... É uma tragédia! Alguns fazem com lâmina, outros com barbeador elétrico, os mais antigos preferem a velha barbearia da esquina. Pode ser um ato diário ou semanal. Uma coisa é certa: se é homem com H maiúsculo você passa ou vai passar por isso cedo ou tarde, tarde ou noite. Fazer a barba é uma das piores partes de ser homem.

Continue lendo >>

terça-feira, 16 de novembro de 2010

ENEM de novo NEM pensar

Confesso. Não me preparei. Pensei até em não ir (nos dois dias). Uma turma tomando uma cerva no barzinho quase me fez mudar de ideia. O importante é que fui. Até que consegui fazer muitas questões. Não deixei nenhuma em branco. As que não sabia recebiam um chute na cara dura. Seja A, B, C, D ou E. Não tinha preconceito algum. Enfim, li, reli, pensei, refleti, marquei, gabaritei, me empolguei, até mesmo achei que...

ENEM de novo NEM pensar.

Continue lendo >>

segunda-feira, 15 de novembro de 2010

Relatos de um maconheiro

No ano passado postei um artigo com o seguinte título "como reconhecer um maconheiro". Como não podia ser diferente, a repercussão foi enorme. Muitos contras outros a favor, mas nenhum tão contundente quanto ao leitor "breno". Confira:
tosse cronica? serio? Sou adulto e fumo maconha fazem 8 anos, trabalho e curso faculdade publica, nunca deixei de fazer nada na minha vida academica por fumar maconha, na vida pessoal quem não é amigo proximo não sabe de nada; agora, tosse cronica? da onde saiu essa perola? NUNCA tive tosse cronica na vida, e quando criança fui diagnosticado com sinusite. Maconha é normal, o que não é normal é um menor de idade usar. Se voce é pai e sabe que seu filho anda fumando maconha, converse com ele e descubra o por que, mas tenha em mente que maconha não muda personalidade nem leva pra drogas de verdade, o que faz isso é a curiosidade e a falta de equilibrio emocional

Fumar ou não é direito de cada pessoa adulta e util para a sociedade; sei que vão me xingar por aqui, mas eis o fato: o convivio com a maconha vem sendo documentado nos ultimos 4 mil anos, a proibição só surgiu no sec. 20 apos o advento da cocaina e heroina e o fim da industria do canhamo.

O que falar depois disso?

Continue lendo >>

domingo, 14 de novembro de 2010

O dia em que o mundo ficou mais escuro

Saída da escola. Estava no Prezinho (Jardim de Infância). Após as aulas a diversão era jogar pedras no Rio das Velhas. Quase todos íam. Naquele "maldito" dia foram poucos. Sobrou somente Julinho e eu. Atirei minhas pedras primeiro, depois fui apanhar mais para poder jogar de novo. Na volta da colheita de novas pedras, uma atingiu meu olho esquerdo. Foi o Julinho que jogou. Feriu tanto que a "bolinha" do meu olho se moveu um pouco. Operação e tapa-olho por algum tempo. Uma porcentagem considerável da visão deste olho se foi com a pedra e o Rio das Velhas. Este foi o dia em que o mundo ficou mais escuro.

Continue lendo >>

sábado, 13 de novembro de 2010

Por onde andará Humberto Gessinger?

Cresci ouvindo. Agora não ouço mais. Não quer dizer que fiquei surdo, mas me refiro a novidades sobre a banda. Onde estará Humberto? Dê um sinal de vida. Fale de seus anseios. Torça pelo seu Grêmio. Ultrapasse a fronteira dos Pampas. Crie letras estranhas que fariam sucesso fácil frente à porcariada que nos rodeia. Fale comigo, fale conosco. Pegue novamente sua guitarra e cante uma canção. Pode tocar o piano se quiser. Toque Piano Bar para a gente...

Por onde andará Humberto Gessinger?


Continue lendo >>

sexta-feira, 12 de novembro de 2010

A faculdade "era o que há"

O tempo da faculdade "era o que há". Chegando cansado, com ódio de alguns professores, escutando muitas asneiras, mas "era o que há". Festinhas no fim de semana, sextas-feiras do golo, amassos no escurinhos "era o que há". Trabalhos apresentados, TCC, provas, colas, notas, amores, desiluções, aquele tempo "era o que há". No fim, um "prum" lado, outro "pro"outro. Poucos se veem e nada mais acontece. A gente achou que aquele tempo nunca acabaria. Hoje só nos resta poucas fotos e algumas lembranças. O tempo da facul "era o que há"...

Continue lendo >>

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

O efeito TROPA

Este não é um post com críticas, opiniões e/ou argumentos para que você assista ou não ao filme. Se era seu intuito encontrar isso aqui pode parar de ler. Na verdade ainda não assisti ao segundo filme da saga de Capitão Nascimento e companhia. Oportunidade não vai me faltar. Falam por aí que é muito bom e alguns o apontam como melhor que o primeiro.

O porque do título do post é explicado quando assistia ao programa "Estúdio I" da Globo News. Lá um dos atores do filme (Sandro Dias - chefe da milícia), falava do impacto que o filme dá nas pessoas quando das cenas mais fortes. Dizia ele: "as pessoas sabem que acontece tudo isso, que o mundo é desse jeito e mesmo assim se surpreendem". Aí chegou no ponto que queria tocar. Por que nós assustamos quando vemos coisas que estamos cansados de saber que é verdade? Será por que fingimos estar fora deste contexto? Será a certeza de que coisas assim só acontecem com os outros e não conosco?

Policiais corruptos, milícias controlando as comunidades e cobrando por isso, políticos desonestos, assassinos frios à solta, traficantes mandando mais que o Estado, crianças pedindo esmola no sinal, sequestradores seguindo nossos passos, estupradores à espreita, ladrões pulando os muros, etc. Tudo isso já existe há muito tempo e nós sabemos bem que é verdade. É preciso vir um filme para abrir nossos olhos? O novo cinema brasileiro ganha cada vez mais espaço, pois está sendo um canal de suma importância para a abertura dos olhos brasileiros frente à sua realidade. Olhos estes que andam vendados e que veem somente o que querem. Que fogem quando o perigo se aproxima, mas não movem uma palha para mudar nada.

Sinceramente estou louco para ver Tropa de Elite 2, mas vou procurar já ir munido de sangue frio e olhar crítico de que tudo que vou ver é a mais pura verdade e não ficar fazendo cara de espantado e pensando que moro na Dinamarca ou Noruega e nunca vou ser atingido pela "bala" da sociedade atual. Uma "bala" que além de ferir, nos faz abrir os olhos para a vida que vivemos. Uma "bala" que não precisa de arma. Atualmente esta "bala" é encontrada no cinema mais próximo da sua casa.


Continue lendo >>

sábado, 23 de outubro de 2010

O jeito mineiro de ser...

Certo dia em uma conversa com uma professora de Português lá da escola, notei que apesar de ser letrada e grande conhecedora da norma culta, a mesma "derrapava" em alguns termos sem se dar conta que falava errado. No momento tomei um certo susto, mas não a indaguei. Depois pensando mais sobre o assunto e notando todos a minha volta, percebi que seja qual for o grau de estudo ou classe social de nós mineiros, grande parte se expressa quase que da mesma forma. Parece ser algo mais forte. Parece não. Me atrevo a dizer e ser achincalhado por muitos que isso é a mais pura verdade.

Tal coisa acontece até mesmo com os mineiros que se afastam do estado por algum tempo. O sotaque prevalece. Gaúchos, nordestinos e outros também tem esta peculiaridade, mas como o mineiro acho não haver igual, pois nós não criamos outros termos e palavras, nem tomamos emprestado de outras línguas, mas sim tentamos falar o nosso português só que de outra forma: cortando as palavras, juntando duas ou três e assim por diante.

No vídeo abaixo você confere alguns destes casos e de quebra vê uma mineirinha muito gata (você vai saber qual quando a ver).

Inté!!!!!!!!!!


Continue lendo >>

quarta-feira, 13 de outubro de 2010

Receita de amor no longinquo ano de 1856

O Brasil Império vivia o longinquo ano de 1856. Chegava às bancas o tradicional calendário da época chamado "Folhinha de Variedades para o anno bissexto de 1856". O anuário trazia informações sobre o Imperador Dom Pedro II, citava todos as datas comemorativas do Brasil, as fases da lua, entre outras coisas. Mas o que chamava a atenção dos leitores e mais ainda dos enamorados eram as dicas amorosas da época. Dentre elas pode-se citar o guia para saber qual flor comprar à mulher amada. Essa compra podia variar conforme o tamanho e tipo do seu amor.

Confira alguns exemplos:

Rosa branca - amor oculto
Cravo - amor fiel
Mirto - amor capaz de sacrifícios
Violeta - amor calado
Amarantho - amor puro
Flor de laranja - amor faceiro
Perpetua - amor alegre
Rosa encarnada - amor fogoso
Alecrim - amor ciumento

Quem dera um amor pudesse ser nos dias de hoje descoberto e refletido pelas flores que a amada recebe. Este guia foi criado num tempo em que andar de mãos dadas e passear pela praça era o máximo que podia acontecer num encontro e que o sexo só se realizava quase que com certeza após o matrimônio.

Hoje as floriculturas estão mais ou menos esquecidas. Dá-se mais valor à um presentes vultuosos do que uma singela lembrança como uma flor que poderá revelar um amor, seja qual for este amor.

Fonte: Revista da História da Biblioteca Nacional - Maio de 2010

Continue lendo >>

quinta-feira, 7 de outubro de 2010

Boleiros ganham espaço na política

O eleitorado parece mesmo estar disposto a mudar a cara da política brasileira. Com escandâlos e mais escandâlos envolvendo os políticos "tradicionais" e/ou "convencionais", o povo a cada eleição coloca no poder forças emergentes e novatos. Desta vez teve destaque o grande número de votos que tiveram alguns jogadores de futebol.

Veja alguns desta lista:

Romário: Deputado federal pelo PSB-RJ, com 146.859 votos

Marques: Deputado estadual pelo PTB-MG, com 153.225 votos

Danrlei: Deputado federal pelo PTB-RS, com 173.787 votos

Bebeto: eputado estadual pelo PDT-RJ, com 28.328 votos

Antes deles Túlio Maravilha, Reinaldo de Lima, João Leite, Roberto Dinamite (eleito mais uma vez), entre outros foram jogadores alçados ao poder por seus torcedores. O futebol e a política cada vez andando mais juntos.

Continue lendo >>

quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Aprendendo a viver com um tal goleiro marroquino

Dois vídeos de um atrapalhado goleiro marroquino correu os quatro cantos do mundo e fez muita gente rir pra valer. Adorei todos os dois e em alguns momentos tive dó do pobre goleiro, pois o mesmo foi "agraciado" por muito azar. Posto isso procurei avaliar os vídeos de um modo diferente, tentando relacioná-los com a nossa forma de viver a vida.

1 - Nada vem com facilidade. É preciso agarrar firmemente as chances que nos aparecem.



Por mais que achemos que conquistamos nossos objetivos, devemos nos ater a tudo que o cerca. Na vida nada vem de graça ou caindo do céu. As oportunidades são raras e por isso devem ser aproveitadas e agarradas.

2 - Lutar sempre. Desistir jamais.



Por mais que nada esteja dando certo e a impressão de que tudo já chegou ao fundo do poço, não devemos desistir de nossos objetivos e anseios. Os covardes jogam fora a chance de reabilitação e na maioria das vezes carregam esta carga por muito e muito tempo.

Continue lendo >>

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

Está sendo criado realmente um monstro?

Há dois meses atrás era notório o apelo da torcida brasileira por Neymar na Copa da África. Ele não foi convocado, mas continuou comendo a bola. Em seguida veio uma proposta milionária do Chelsea da Inglaterra. Proposta esta rejeitada pelo Santos e consequentemente pelo atleta. Até aí tudo bem, mas o que surgiu a seguir foram uma série de intemperies do jovem atleta: fírulas sem precisão alguma, chiliques nas redes sociais da internet, desrespeito à adversários e até mesmo ao próprio técnico e outras "coisitas más" . Agora nos perguntamos:

Está sendo criado realmente um monstro?

Continue lendo >>

domingo, 12 de setembro de 2010

Os jogadores mais "chinelinhos" do Brasil

Você sabe o que é jogador "chinelinho"? No futebolês é aquele jogador que fica mais no DP (Departamento Médico), do que dentro de campo. Sempre que você acha que ele vai... ele não vai. Deixa o time na mão e só bate palma na arquibancada.

Conheça alguns dos "chinelinhos" da atualidade:

1 - Fred (Fluminense): Desde quando chegou ao Flu jogou somente 40% das partidas. Agora comprou até briga por suas contusões. Apesar de vir de Minas, Fred não dispensa uma praia. Mineiro não poder ver água mesmo!!!

2 - Roger (Cruzeiro): O apelido de "chinelinho" do Roger Galera Flores @galeraflores vem de longe. Já era assim no Fluminense, Corinthians e Grêmio. Na Raposa não é diferente. Roger é o maior representante da categoria. Procure pelo Google e se delicie com muitas brincadeiras.


3 - Carlos Alberto (Vasco): Tinha tudo para ser um craque reconhecido mundialmente, mas suas idas e vindas intermináveis ao DP não deixam sua carreira decolar. Dizem que além disso CA adora uma baladinha. Será que tem alguma coisa a ver???


4 - Adriano (Roma-Itália): O Imperador quando quer jogar joga, mas quando não quer... Ano passado uma bolha no pé quase o tirou dos jogos finais do Brasileiro. Será que era bolha mesmo???


5 - Ronaldo (Corinthians): Sem comentários.

A lista é bem maior. Você neste momento deve estar se lembrando de muitos e muitos outros jogadores. O certo é que os jogadores "chinelinhos" pelos mais variados motivos ficam mais no DP, na arquibancada e em outros mais inusitados locais, menos dentro do campo.

Continue lendo >>

sábado, 11 de setembro de 2010

Um dia que não foi como os outros...

As contas da casa estavam atrasadas. O começo do mês já tinha se findoado mas as dívidas continuavam lá. Fui ao banco resgatar alguns migalhas que ainda restavam para ver o que podia ser feito. Na fila do banco a TV da agência não passava desenhos, novelas, programas femininos, nem esportivos. Era uma atração nova para todos ali presentes, quase ninguém entendia muito bem o que estava acontecendo. Mal sabíamos que apartir daquele momento o mundo estava mudando, a história estava sendo contada diante de nossos olhos e ver tudo ao vivo e com mil câmeras a disposição parecia mais com um filme de Hollywood do que outra coisa.

Hoje, nove anos depois, tudo ainda parece muito novo e fresco em nossa memória. Corão, Maomé, Obama, Bush, Bin Laden, atualmente são termos e palavras corriqueiras e que todos podem opiniar. A história parece ter ficado palpável. Há quase um século atrás descobrimos que a ameaça e o medo vem dos lugares mais improváveis, de onde você menos espera. A minha vida mudou. Acredito que a sua também. Eu estava dentro de um banco e descobri tudo isso. E você?

Continue lendo >>

quarta-feira, 8 de setembro de 2010

Um sonho chamado Keri Hilson

Você deve não saber nem uma música desta moça, mas com certeza já a viu em algum clip. Seja com Akon, Kardinal, Ne-Yo ou Kanye West, Keri Hilson deixa qualquer um hipnotizado. A morena tem um olhar e uma presença visual muito bacana. Procure depois o clip Numba1 de Kardinal e perceba em que você vai prestar mais atenção.

Keri Lynn Hilson, 27 anos, nascida em Atlanta/EUA, cantora de R&B é como um camaleão. Está sempre diferente e cada vez mais linda e sexy.

Confira um dos melhores clips de Keri, juntamente com Ne-Yo e Kanye West.



Fonte: Wikipedia e Keri Hilson Brasil

Continue lendo >>

segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Uma mistura chocante


Perigo constante nas estradas do Brasil e mais evidenciado nos feriados prolongados, a mistura álcool e direção é mesmo chocante.

Não sou habilitado, mas acompanho as notícias e conheço pessoas que se perdem nas estradas da vida pelo excesso de álcool, pior ainda se estiverem guiando motocicletas, o tombo de uma delas é inevitavelmente uma grande chance de se estrepar e muito.

Acerca disso, resolvi fazer uma pequena pesquisa sobre o álcool e seus perigos para que tragédias causadas por essa mistura se tornem acidentes esporádicos e que todos continuem bebendo todas e indo embora a pé (cambaliando) ou de táxi (se lembrar onde mora):

Substância: Alcool etílico.

Origem: Obtido a partir de cana-de-açúcar, cereais ou frutas, através de um processo de fermentação ou destilação.

Conhecida como: Álcool, "birita", "mé", "mel", "pinga", "cerva".

Possíveis efeitos: Em pequenas doses: desinibição, euforia, perda da capacidade crítica; Em doses maiores: sensação de anestesia, sonolência, sedação.

Possíveis consequências: O uso excessivo pode provocar náuseas, vômitos, tremores, suor abundante, dor de cabeça, tontura, liberação da agressividade, diminuição da atenção, da capacidade de concentração, bem como dos reflexos, o que aumenta o risco de acidentes. O uso prolongado pode ocasionar doenças graves como, por exemplo, cirrose no fígado e atrofia (diminuição) cerebral.

Por essas e por outras dê moral ao "Motorista da Rodada" e continue bebendo a vontade, porque eu continuarei: "enche o copo aê gente boa..."

Continue lendo >>
Related Posts with Thumbnails

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO