O mundo de JPFOX. Tecnologia do Blogger.

sábado, 24 de abril de 2010

Diário de um inútil


O sentimento é indescritível. Sentir-se dispensado, deixado à margem, simplificado e achar-se inútil. Ver que os outros servem e você não. Notar que tudo que faz, não chega a ser 0,1% do que outros fazem. Já desisti de tudo, não quero fazer mais nada. Se não sou melhor que ninguém, não serve. Quero ser único, o melhor, o especialista.

Não quero tapinhas nas costas, nem papo furado, quero deixar de inútil pulando para um patamar “top de linha”. Não sou melhor que ninguém, sou um fracasso.

Desde os tempos da escola, ficava sempre por último nos torneios de ping-pong e nem era escolhido nos jogos de futebol. Minhas notas eram as piores e nunca tinha destaque nenhum. As professoras sequer sabiam meu nome. Eu era um verdadeiro 0 à esquerda, hoje já sou um -1 à esquerda.

Termino dizendo que não mais escreverei neste diário. A caneta e a folha em branco parecem me dizer que não capaz, que não posso mais. Adeus a todos. Já estou atrasado para o trabalho. Aliás, nunca falei da minha profissão. Sou executivo de uma multinacional, tenho quatro carros na garagem e uma família linda. Que estranho. Por que nunca escrevi sobre isso neste diário?

8 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

Deixe seu comentário.
Enriqueça a discussão.

Caso deseje divulgar seu site e/ou blog, utilize a opção OpenID.

O seu comentário é muito importante.

Related Posts with Thumbnails

  ©Template by Dicas Blogger.

TOPO